voltar

COMO O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PODE AJUDAR NO PÓS-PANDEMIA?

01.03.2021
Responsabilidade Civil MDS

Seguro de Responsabilidade Civil sempre proporcionou uma ampla proteção para as empresas e profissionais liberais. E se em tempos de estabilidade suas coberturas já eram extremamente importantes para preservar o balanço financeiro dos negócios diante das recorrentes ações judiciais, este tipo de apólice terá um papel ainda mais estratégico para o cenário pós-pandêmico e seus desdobramentos no setor privado global. 

 

Segundo as tendências apontadas no relatório Liability Loss Trends 2020, elaborado pela Allianz Global Corporate & Specialty (AGCS), há uma série fatores que podem aumentar a exposição das empresas aos riscos de responsabilidade civil,e, por consequência, aumentar processos judiciais movidos contra companhias por danos materiais e corporais causados a terceirosEsses riscos perpassam múltiplos cenários: desde mudanças no comportamento social até fatores relacionados à retomada das atividades durante o combate à pandemia do coronavírus, ampliando o escopo da judicialização.  

 

Considerando o cenário brasileiro, a realidade pós-pandemia pode ser ainda mais judicializada e afetar negativamente o balanço financeiro das empresas que não dimensionarem adequadamente os riscos e as coberturas de seu Seguro de Responsabilidade Civil 

 

De acordo com o relatório Justiça em Números 2020elaborado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o Brasil encerrou 2019 totalizando 77,1 milhões de casos em tramitação, com um crescimento de 6,8% de novos casos (30,2 milhões). Considerando apenas os novos processos, as ações não criminais aumentaram 4,9% e as ações trabalhistas 2,8%. É importante ressaltar que o direito civil está entre os cinco temas com a maior quantidade de processos, incluindo os litígios acerca do direito do consumidor. 

 

Mesmo que a pandemia não seja sempre considerada um fator de força maior na tramitação de litígios, há uma série de fatores ligados às medidas de contenção da covid-19 que ainda podem abalar o equilíbrio comercial e econômico como quebras contratuais, remarcações de passagens, cancelamento de eventos, desequilíbrio da cadeia logística, oscilações na disponibilidade de matérias-primas e insumos, entre outras dificuldades que podem levar a danos involuntários. 

 

Além de todos esses tantos desafios para continuidade e crescimento dos negócios, este panorama de imprevistos pode potencializar os riscos de acidentes e incidentes de responsabilidade civil. 

 

 

Seguro de Responsabilidade Civil como proteção financeira 

Frente à crise humanitária, econômica e social que a pandemia impôs à população mundial, ainda enfrentamos uma aura de  incertezas que podem perdurar por um longo período. Ainda dependemos da imunização em massa contra o coronavírus para concretizar a retomada do que consideramos "a normalidade do ambiente de negócios”. Até que essas expectativas, de fato, se realizem, é imperativo que os esforços em compliance continuem contando com o arcabouço da análise de riscos e salvaguardas que o mercado de seguros pode oferecer. 

 

Há uma série de soluções em seguros capazes de abarcar coberturas voltadas às indenizações e perdas judiciais movidas contra danos materiais e corporais causados a terceiros. Neste sentido, a proteção do Seguro de Responsabilidade Civil pode ser integrada às necessidades de cada segurado e personalizadas de acordo com o grau de exposição aos riscos de sua atividade profissional, sejam eles individuais ou em escalas comerciais e industriais. 

 

Por isso, o Seguro de Responsabilidade Civil precisa ser mensurado de modo que garanta a proteção patrimonial de profissionais responsabilizados judicialmente. Os riscos de perdas financeiras são transferidos às seguradoras, que por sua vez realizam o reembolso das despesas geradas em litígios, podendo ressarcir desde os valores pagos em juízo às vítimas de danos como também as despesas de tramitação do processo. 

 

É importante ressaltar também que a proteção financeira criada pelo Seguro de Responsabilidade Civil é mais efetiva quando mediada por especialistas, como a MDS Brasil, capazes de equalizar as coberturas necessárias com eficiência. O ônus do segurado precisa ser avaliado com precisão, assim como as especificidades de sua atividade junto ao rol de exigências das seguradoras. Dessa forma, evitam-se prejuízos ao segurado e vítima dos danos (acidentais ou involuntários), que será amparada de acordo com o estabelecido em sentença. 

 

A Responsabilidade Civil deve ser encarada de forma criteriosa e assegurar a máxima mitigação dos riscos. E essa é a especialidade da MDS BrasilQuer saber como prevenir perdas financeiras neste momento tão complexo? 

 

 

 

 

Acompanhe também os desdobramentos do mercado, notícias, insights e tendências em nossas páginas no LinkedIn, Facebook e Instagram 

 

#MDSBrasil #Seguros #Insurance #GestaoDeRiscos #RiskManagement #Risks #Protecao #Empresas #Corporate #ResponsabilidadeCivil #Pandemia #Desafios 

Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, você está consentindo o seu uso.Saiba mais

Compreendi